Flauta Mágica

flautamagica

 

FICHA TÉCNICA  |  ARTÍSTICA

Luís Pacheco Cunha, F. Pedro Oliveira – Projecto, Concepção, Formadores (Workshop)

E. Schikaneder (Adaptação de Luís Pacheco Cunha) – Guião/Libreto

Música Original de Wolfgang Amadeus Mozart

César Bastos – Robertos (Criação)

Natasa Sibalic – Pamina, Rainha da Noite, Papaguena – Soprano

Fernando Teixeira – Papagueno, Monostatos – Tenor

Quarteto Lopes-Graça – Músicos/Pássaros

F. Pedro Oliveira – Actor/Animador

 

 

Género: Ópera | Duração: 60min (s/ intervalo) | Público: Para todos (a partir dos 3 anos)

Um homem pássaro saído de um bosque convida-nos a passar pelo corredor estreito da sua flauta para nos levar à ponte levadiça do Castelo de Zarastro…o rei que raptou Pamina, a filha da Rainha da Noite; um carrasco cruel – Monastatos – transformado em alegre dançarino por uma caixinha de música; um príncipe – Tamino – que vai salvar a sua Pamina e trazer sabedoria, paz e amor ao nosso mundo … em suma, uma fantástica aventura pelos caminhos secretos da música de Mozart, para ser vivida por ti e pelos teus pais e amigos.

A apresentação desta ópera será feita em contexto de formação. Ela será o ensejo para a realização de um Workshop, em que deverão participar os alunos da Escola em que é feita a apresentação e, eventualmente, outras. Esta formação, denominada VAMOS FAZER UMA ÓPERA compreenderá vertentes de trabalho cénico, exercicios / jogos de corpo e voz, manipulação de Fantoches e preparação musical a vários níveis – coral e instrumental. Para a apresentação do espectáculo contaremos com sete Artistas Profissionais (Quarteto de Cordas, Cantores e Actor) que irão partilhar o Palco e interagir com os jovens Formandos.

 

Grande Ópera para Gente Pequena

Grande Ópera para Gente Pequena é um novo conceito de espectáculo musical que utiliza técnicas pluridisciplinares e transdisciplinares no campo das artes interpretativas afim de despertar ou cultivar o gosto pela ópera, os grandes criadores e as obras intemporais que nos legaram.

Considerados os objectivos culturais que prossegue e porque entendemos que a melhor componente da nossa formação, a mais fascinante e indelével é lograda no convívio familiar, Grande Ópera para Gente Pequena convida todos, a pequenada, seus pais e demais família, a viver esta viagem em conjunto. A performance de cantores, instrumentistas, actores, bailarinos, artistas plásticos e circenses, na melhor tradição da Grande Ópera, garante uma maior transparência dramaturgica (a distribuição da responsabilidade narrativa por múltiplas linguagens) a par da exuberância lúdica que proporciona. Este projecto, que pretende recriar a ópera a partir de narrativas dramatizadas e musicalmente ilustradas, aposta também na participação activa das crianças, como figurantes, manipuladores de robertos, “técnicos” ou ainda noutras funções. Neste fórum aberto das artes, a música, “muito séria”, convive, displicente e sorrindo, com a dança e o teatro, os audiovisuais, as marionetes e irá fazendo, de cada vez, muitos e muitos amigos!

 

Contacte-nos para mais informações