09 de Novembro 2023 | 19H15

Tomar, Templo da Música (Igreja da Misericórdia)

FICHA ARTÍSTICA

QUARTETO LOPES-GRAÇA

Tragédia e Redenção

O Quarteto Lopes - Graça, coletivo que escolheu honrar, com o seu nome, o mais ilustre músico Nabantino, conta já com 1 8 anos de existência, centenas de concertos em Portugal e pelo mundo.

Para a sua última apresentação do ano, no Templo da Música, escolheu um programa onde ponteiam três grandes obras do repertório para este coletivo .

O Quarteto nº 8 de Schostakovich, expressionista e dramático quadro sonoro, é um pungente canto russo à memória das vítimas do estalinismo, do fascismo e de todas as guerras e massacres em seu nome. Lopes - Graça escreve as sua Catorze anotações para Quarteto em 1966. É uma criação única na obra de Graça, pela sua concisão e originalidade pointilística. Cada uma das curtíssimas peças que compõem este ciclo descreve um traço, uma mancha de cor intensa, um gesto rebelde pleno de energia.

Já o quarteto nº 12 de Dvořák, dito “Americano” é música de outra índole. Rejubila de vida e de positivismo, mesmo quando cita os cânticos “gospel” dos negros americanos ou dá a ouvir as entoações líricas da sua boémia natal.

PROGRAMA

SCHOSTAKOVICH, Dmitri [São Petersburgo , 1906 – Moscovo, 1975]
Quarteto nº 8 , em dó m, op. 110 Largo Allegro molto Allegretto Largo Largo

LOPES - GRAÇA, Fernando [Tomar , 1906 – Parede, 1994]
Catorze Anotações para quarteto de cordas

DVOŘÁK, Antonin [Nelahozeves , 1841 – Praga , 1904]
Quarteto nº 12, em Fá M , op. 96 - Americano Allegro ma non troppo Lento Molto vivace Finale, vivace ma non tr oppo